Hi, pocrisia!

falsidade-2-696x394

O diabo pode citar as escrituras quando isso lhe convém

– William Shakespeare.

De todas as características inerentes à personalidade humana, a hipocrisia tem especial destaque principalmente por ser mais usada que as escovas de dentes.

Falamos de hipocrisia em diferentes situações, mas me agrada, pela simplicidade, o conceito de que o hipócrita é um ator que exige do outro aquilo que não está disposto a fazer. Ou que condena atitudes que ele mesmo pratica numa boa.

Politicamente, o reflexo da hipocrisia pode ser muito bem visto por todos nós, brasileiros: um povo que clama(!) por governantes justos e honestos, mas que não perde uma oportunidade para tirar vantagem das situações. Como tem repetido insistentemente o professor Karnal: “Não existe país com governo corrupto e população honesta”.

Além disso, hoje, com o acesso descomplicado à informação e também aos canais de relacionamento, parece existir uma certa “ditadura da opinião”, onde todos são pressionados a comentar sobre tudo e todos. Ok, não precisamos adotar um comportamento gloriapiresco diante do debate, mas não existe nada de errado em não querer opinar sobre tudo. Ou ainda, nada de errado em ficar quieto até se entender melhor os fatos, os lados, os dados. Esse “me solta que eu quero dar minha opinião” não nos serve em nada e, entre muitas outras coisas ruins, gera mais hipocrisia.

Sempre que passeio pelas redes sociais, pelos portais reparo na quantidade ABSURDA de comentários nas notícias (e sei que ler comentários já virou mania nacional). Com exceção dos que estão ali para fazer graça e criar tumulto, existe muita gente que fala merda querendo falar sério. Nessa, além de muita hipocrisia, comentem crimes das mais variadas espécies.

Opinar com consciência, inteligência e respeito não é fácil. Exige estudo histórico, exige conhecimento dos fatos. Caso contrário, nada de errado em dizer “prefiro não opinar”. Fica menos feio.

E mudando de assunto, vocês viram o que aconteceu com o William Waack? Confesso que ainda estou tentando entender todos os detalhes para, talvez, dar minha opinião. Sem dúvida, o racismo deve ser condenado e combatido com todo o vigor possível. Contudo, depois desse episódio, fiquei um pouco mais tranquilo: ao ver todo mundo pedindo a cabeça de Waack cheguei à conclusão de que somos uma sociedade que respeita integralmente o negro. E que a Globo é referência em conduta ética e democrática podendo, inclusive, atuar como juíza de casos como esse, mandando prender e soltar.

Qualquer coisa diferente disso, seria muita hipocrisia.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s